sábado, 5 de dezembro de 2015






Carta Convite


Olá pessoas queridas!
Estamos cá, Ana e Cássia, confabulando mais uma edição do “ROÇAdeira – Encontros performáticos em lugares improváveis” para ser realizada na capital goiana ainda este ano.
Neste roçar de ideias, necessário para criar a programação do evento, pensamos na presença de vocês. Por isso, enviamos este convite para roçarmos juntos, desejosas de que queiram e possam aceitá-lo.
Caso topem dar esta roçadinha conosco, enviamos três sugestões de datas, para consultar a disponibilidade de vocês: 5 a 8 de novembro 3 a 6 de dezembro 10 a 13 de dezembro
Não somos muito afeitas a editais, objetivos, justificativas, regadas a planilhas de orçamento e muita burocracia, apesar de entender que são caminhos possíveis para viabilizar projetos. No momento, seguimos a linha dos eventos movidos pela intensidade das redes afetivas e realizados “na tora”. Assim sendo, não dispomos de nenhuma condição financeira até o presente momento, mas temos perspectivas de possíveis apoiadores pra nos dar suporte em termos de estrutura física, hospedagem, alimentação. Com o retorno da greve na UFG, iremos tentar viabilizar algum apoio, mas na atual condição de cortes de gastos, não temos muita expectativa com a universidade. Aprendemos com o pessoal do circo e malabares a lógica do “passar o chapéu” e a produção de encontros na base da colaboração entre artista e público.
Daqui temos o desejo de contar com a presença de alguns artistas residentes em Goiânia (ainda em processo de confirmação) como o Grupo Empreza, Rubens Pileggi, Dalton, Glayson Arcanjo, Cacá Fonseca e outros perfomers do Goyá, como também de alguns artistas de fora como o Ricardo Alvarenga, Thiago Costa, Corpos Informáticos, Rodrigo Munhoz.
Intencionamos ocupar espaços como a Casacorpo, a Catedral das Artes, a chácara Refazenda e a feira do Itatiaia. Caso haja o apoio da UFG, pensamos em uma oficina e debate na universidade.
E aí, bora?
Ficamos no aguardo das respostas de vocês!
Beijos e abraços de Cássia e Ana!

terça-feira, 23 de julho de 2013

Roçando ideias sobre os encontros performáticos

Após a realização do ROÇAdeira: encontros performáticos em lugares improváveis, Sessão1#Labiríntimos, uma pausa para roçar as ideias. A performance e o que roça nas outras linguagens artísticas, que lugares nos parecem improváveis para performar e como habitá-los, quais as vias que nos interessam para produzir um encontro artístico no meio da roça-goyaz. 

Mesa redonda #Roçando ideias sobre os encontros performáticos#
Goiânia Ouro
dia 16/01/2013 às 18h

Com:
Ana Reis e Cássia Nunes (Idealizadoras do ROÇAdeira) 
Artistas participantes do ROÇAdeira


[Integrando a Mostra Histórias do Cinema e do Povo de Goiás - Projeto de Extensão da Faculdade de Comunicação e Biblioteconomia]










Domingo no Barreiro

No dia 17/11/2012, o artista Enauro de Castro convidou os roçantes para uma visita ao Barreiro, rio localizado nas imediações de sua casa que tem sido tema de suas pesquisas, inclusive da performance realizada no ROÇAdeira. O Barreiro vem sofrendo com o processo de especulação imobiliária, sendo gradativamente poluído e sufocado por avenidas largas e condomínios de luxo. 
O domingo começou com um delicioso café da manhã seguido de visita ao Barreiro e pra finalizar um almoço delicioso, tudo permeado por discussões e troca de ideias! #Roça Roça#